A força dos tambores contra Roberto Alvim

Foto: divulgação

Os movimentos religiosos afro-brasileiros, estão fazendo um mutirão em todo o país, com a colocação do nome o Secretário Nacional de Cultura e diretor de teatro Roberto Alvim, nos altares e nas rodas de atabaque por ter patrocinado o desmonte da Fundação Palmares e agredir a memória dos escravos preto-velhos.
Nenhuma outra pessoa conseguiu criar uma unanimidade dos terreiros e irritar tantos centros afros de uma só vez.
Um dos lideres religiosos mais fortes da baixada fluminense, teria feito um perigoso ritual e no final garantiu que Alvim baixaria em um hospital em 24 horas. “Ninguém pode desdenhar o sofrimento e a dor das nossas senzalas. Os nossos antepassados já estão agindo no plano espiritual” afirmou em uma rede social.

Em tempo: Na última sexta feira, Roberto Alvim foi internado em Brasília com pneumonia nos dois pulmões e o seu vozeirão, usado até para agredir o Ministro Osmar terra, virou um fiapo.

Pin It