“Ocupação Zé Celso” estreia no Itaú Cultural

O Itaú Cultural começa nesta quinta-feira uma exposição que segue até o dia 6 de setembro sobre o artista, ator, músico e compositor José Celso Martinez Corrêa, conhecido como Zé Celso. Uma dos mais influentes personalidades do teatro brasileiro terá 169 metros quadrados ocupados com fotos, monitores, projetores, sets com cenários e até um quarto para contar a história de sua carreira. A “Ocupação Zé Celso” foi organizada pelo Núcleo de Artes Cênicas da instituição, com curadoria de Marcelo Drumond e de Elaine Cesar.

 

O multiartista nasceu em Araraquara em março de 1937, e foi rebatizado Zé Celso na capital, nos anos 60. De lá para cá, protagonizou e produziu uma farta obra, que se confunde com a sua história de vida, até hoje pouco conhecida. O material de pesquisa foi pinçado por Drummond e Elaine e uma equipe do Teatro Oficina entre os diferentes espaços por onde se espalha o legado pessoal e teatral de Zé Celso – álbuns da família Martinez Correa e dele mesmo, arquivos na Unicamp e do Instituto Moreira Salles, gavetas no Oficina, testemunhos do próprio registrados nas centenas de entrevistas de todos os gêneros que já deu -, resultando em uma compilação de informações como ninguém reuniu até hoje.

Todo este material pesquisado vai subsidiar, ainda, documentário sobre a vida do artista. Dirigido por Tadeu Jungle e Elaine Cesar, com realização do Itaú Cultural, que será lançado em dezembro.
A ocupação tem acesso gratuito e apenas o quarto Paucucama tem acesso limitado aos maiores de 18 anos, que terão projeções de corpos nus.

Serviço:
Ocupação Zé Celso
29 de julho, coquetel de abertura
De 30 de julho a 6 de setembro
De terça a sexta, das 10h às 21h
Sábs., doms. e feriados, das 10h às 19h
Entrada franca
Classificação etária: livre, com exceção da sala Paucucama, com entrada para maiores de 18.
Estacionamento com manobrista: R$ 8 a primeira hora; R$ 4 a segunda hora; e R$ 2 por hora adicional
Estacionamento gratuito para bicicletas
Acesso para deficientes físicos
Ar condicionado

Ficha Técnica:
Curadoria: Marcelo Drummond e Elaine Cesar
Projeto expográfico: Elaine Cesar
Cenografia e arte: Rafael Ghirardello
Vídeo: Jair Molina Jr
Musica: Guilherme Calzavara e Otávio Ortega
Iluminação: Arnaldo Mesquita
Produção de imagem e pesquisa: Valério Peguini, Cassandra Melo e Solange Santos
Apóio gráfico: Rafael Gonçalves

Itaú Cultural
Avenida Paulista, 149 (Estação Brigadeiro do Metrô)
Fones: (11) 2168-1776/1777
www.itaucultural.org.br

Previous Teatro por um vale coxinha
Next "O Interrogatório" estreia no Sesc Consolação esse mês

About author

You might also like

da Redação 0 Comments

Autor argentino Daniel Veronese é encenado pela primeira vez em São Paulo

Sob direção de Roberto Lage, Teatro Para Pássaros retrata com humor o mundo das paixões, misérias, vaidades e clichês do universo teatral.

da Redação 0 Comments

“O Marido da Minha Mulher” prorroga temporada no Ruth Escobar

 

Comédia já está em cartaz desde setembro de 2012, na capital paulista

 

da Redação 0 Comments

0 Comments

No Comments Yet!

You can be first to comment this post!