O ano de 2010 será de Florencio Sanchez

No ato em que se realizou a divulgação dos grupos teatrais que obtiveram subsídios do “Montevideo Ciudad Teatral”, da Prefeitura Municipal da capital uruguaia, o secretário de Cultura Mauricio Rosencof propôs que no ano que vem, quando se completam cem anos da morte de Florencio Sanchez, se realizem peças, estudos, exposições e, sobretudo, divulgação da obra do daquele que foi o principal dramaturgo uruguaio.

Rosencof assinalou a importância de que um escritor como Sanchez seja patrimônio de todos os habitantes de Montevidéu. Lembrou que o dramaturgo conseguiu, inclusive, emprestar termos seus à fala cotidiana, como “canillita”, que de um personagem seu passou a designar todos os vendedores de jornais da beira do Rio do Prata.

Previous Fumproarte: inscrições para teatro iniciam em julho
Next Buenos Aires tem reflexão sobre Federico Garcia Lorca

About author

You might also like

da Redação 0 Comments

Circuito Nacional de Teatro leva espetáculos teatrais gratuitos a 4 capitais

Serão disponibilizados 20 mil ingressos gratuitamente para alunos de escolas públicas, instituições sociais e grupos de ensino supletivo, que executarem ação de conscientização ambiental. Uma iniciativa que visa, ao mesmo tempo,

da Redação 0 Comments

Faz Centro de Criação apresenta a peça Sinal de Vida de Lauro César Muniz

A estreia do texto em 1979 foi no Teatro Augusta
Dia 13 de abril, quarta-feira às 21h, estreia o espetáculo Sinal de Vida de Lauro César Muniz no Teatro Augusta. Direção: Heitor Saraiva. Produção: Faz Centro de Criação. Ingressos a R$ 50,00 e meia-entrada. Temporada até 09/06/2016.

da Redação 0 Comments

“O Interrogatório” estreia no Sesc Consolação esse mês

 

Espetáculo de Peter Weiss compõe o projeto “7 autores, 7 diretores, 7 encontros”.

0 Comments

No Comments Yet!

You can be first to comment this post!