Museu de Arte do Rio – MAR  é atração gratuita

Museu de Arte do Rio – MAR é atração gratuita

O Museu de Arte do Rio (MAR), na zona portuária da capital fluminense, abriu hoje (5) as portas ao público com entrada grátis, exibindo quatro mostras com o tema Arte e Sociedade.

Inaugurado na última sexta-feira (1º), pela presidenta Dilma Rousseff, o MAR é parte das obras de revitalização da região do Porto Maravilha. O museu tem como princípio integrar a cultura e a educação de qualidade e já tem um acervo próprio em torno de 3 mil obras, entre as quais estão 1.200 aquarelas de Santiago Calatrava e mil livros de vários artistas. Em seu primeiro dia, as exposições atrairam cerca de 3 mil visitantes, segundo o diretor executivo do MAR, Luiz Fernando de Almeida. As mostras devem ficar em cartaz até julho deste ano.

De acordo com Almeida, um dos destaques é a exposição “O Abrigo e o Terreno- Arte e Sociedade no Brasil”, que apresenta um conjunto de livros que dão forma à favela carioca. A parceria com os moradores do Morro da Providência faz parte da mostra, que busca a clarividência do espaço urbano da cidade.

“Diferentemente dos outros museus, o MAR tem um programa educativo, não se restringe a um ponto secundário. As exposições são pensadas sobre a ótica da arte e da cultura como parte do processo de inclusão no espaço urbano. O MAR é um museu que, metaforicamente, se relaciona com o mar e o porto e complementa a paisagem”, afirmou o diretor executivo do museu.

Mais três exposições estão incluídas no circuito. O Rio de Imagens: Uma Paisagem em Construção, que reúne fotografias, pinturas, esculturas, mapas, peças de design e mais 400 ornamentos do século 19. Além disso, a mostra tem obras dos artistas Burle Marx, Ismael Nery e Tarsila do Amaral, sob a curadoria de Carlos Martins e Rafael Cardoso.

No segundo andar, está sendo exibida a coleção do marchand Jean Boghici, com obras que reúnem artistas nacionais e internacionais, entre eles Tarsila do Amaral e Victor Brecheret, em uma seleção caracterizada pela pintura espontânea, a abstração informal e construtiva, sob curadoria de Leonel Kaz e Luciano Migliaccio. Já no primeiro andar, a mostra: Vontade Construtiva, de Sérgio Fadel, apresenta o construtivismo de vanguarda de 1960 e 1980.

Para a arquiteta boliviana Hilda Serrano, há 51 anos no Brasil, o museu adotou uma concepção positiva da história da cidade. “Era necessário ter um museu desse porte, porque nos mostra a realidade do Brasil. Um exemplo, a visão do Rio antigo com o hoje, achei interessante. Na sala, também é apresentado o vídeo sobre a história antiga. Já a favela faz a parte da paisagem recente, pois antes, não tinha favela. Então, resgatar a história é importante contar para quem chega, no Rio”, disse Hilda, uma das visitantes do primeiro dia.

Almeida adiantou que a próxima exposição vai ser pautada nas obras de um dos principais arquitetos do século 20, o franco-suiço Le Corbusier, que faleceu em 1965. O museu também vai expor a história e obra da cantora Josephine Baker, que morreu em 1975 e considerada a primeira grande estrela negra das artes cênicas.

O MAR funciona de terça a domingo, das 10h às 17h. Às terças-feiras, a entrada é gratuita para o público em geral.

Fonte Agência Brasil

Previous Palco de gala “MCMV – MCMIX”
Next "Pois quem se revolta não volta uma vez, volta cem, volta mil"

About author

You might also like

Reportagens 0 Comments

Teatro a um clique

Está cada vez mais difícil precisar o quanto é essencial o uso da internet no dia a dia das pessoas.

Reportagens 0 Comments

Artistas brilham nos palcos em alto-mar

Por Leonardo Serafim de Oliveira A cada dia, mais e mais brasileiros buscam o prazer e o descanso nos diversos cruzeiros oferecidos nos quatro cantos do país. Para entreter seus

Reportagens 0 Comments

Cantores brasileiros de renome também foram interpretados por grandes atores

Não só mulheres marcaram os musicais recentes no Brasil. Alguns dos maiores nomes masculinos da dramaturgia nacional já entraram para a história por grandes atuações, nas quais encarnavam o espírito

0 Comments

No Comments Yet!

You can be first to comment this post!