Braskem: levando festivais do Sul ao Nordeste do Brasil

Braskem: levando festivais do Sul ao Nordeste do Brasil


Porto Alegre Em Cena e Prêmio Braskem de Teatro recebem apoio da empresa, que, desde 2002, apóia os projetos culturais do País


Por Leonardo Serafim



Desde a sua fundação, em 2002, a Braskem, uma das principais empresas petroquímicas do Brasil, sempre abraçou os projetos culturais do País e levou incentivo a diversos festivais em solo nacional. Em pouco mais de seis anos de vida, a empresa virou referência na arte e tem proporcionado a chance de milhares de artistas mostrarem seus trabalhos. Uma das áreas que mais recebe investimento é o teatro.
Segundo a assessoria de imprensa da Braskem, o objetivo dos patrocínios é abrir oportunidades e reconhecer novos atores e diretores, além de valorizar a cultura tradicional das comunidades, principalmente as que estão localizadas ao redor das unidades da marca, como acontece com o Porto Alegre em Cena e com o Prêmio Braskem de Teatro, na Bahia.
Reconhecido como um dos grandes festivais do Brasil, o Porto Alegre Em Cena, que chegou a sua 16º edição este ano, já reuniu mais de 690 peças, de 32 países, em sua longa trajetória. Estima-se que pelo menos 700 mil gaúchos pisaram nas casas culturais da cidade durante o evento. Um pouco desse sucesso deve-se a Braskem que, patrocinando o Em Cena há quatro anos, foi uma das responsáveis pelo crescimento da festa. Graças ao apoio da petroquímica, a capital gaúcha teve a honra de receber nomes consagrados de todo o mundo, desde o dramaturgo norte-americano Bob Wilson até o diretor francês Patrice Chéreau.
Além de financiar o festival, a Braskem promove, no evento, o Prêmio Braskem em Cena, que contempla as produções locais e provoca interatividade entre as encenações e o público. Criado em 2006, ele tem como intenção dar visibilidade aos novos talentos do Rio Grande do Sul e premiar as melhores apresentações. O grande vencedor da edição 2009 foi “O Sobrado”, peça criada pelo grupo Cerco, promovida pelo Departamento de Arte Dramática do Instituto de Artes da UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul).
Em Salvador, a empresa destaca-se pela vastidão de projetos, tendo como carro-chefe o Prêmio Braskem de Teatro, festa que já virou tradição na capital baiana. Anualmente, o Teatro Castro Alves recebe a nata dos artistas do Estado para premiar as melhores obras. Ao todo são dez categorias que dividem um significativo valor monetário e o reconhecimento da população. Na última edição, que aconteceu em abril deste ano, os vencedores do segmento de melhor espetáculo adulto e de melhor espetáculo infanto-juvenil receberam um prêmio no valor de R$ 30 mil, enquanto as demais categorias foram contempladas com R$ 5 mil cada uma, além do troféu.
Fugindo dos palcos, mas não das artes, a Braskem também leva seu incentivo a outros campos da cultura nacional. Ainda na capital baiana, acontecem o Prêmio de Academia de Letras, voltada para escritores e poetas, e o Prêmio Braskem Cultura e Arte, que apoia a produção para autores inéditos nas áreas de música, literatura, artes plásticas e cinema. Já o Fronteiras do Pensamento Braskem, projeto lançado em Porto Alegre, em 2006, visa promover encontros com troca de ideias para o desenvolvimento da sociedade, e, recentemente, foi adotado pelas cidades de São Paulo e Salvador.
Previous Protestos, manifestações e paralisação marcaram o último mês na Escola Livre de Teatro
Next Vasconcellos: carioca que conquistou Porto Alegre

About author

You might also like

da Redação 0 Comments

Dilemas do mundo masculino encenados no Teatro de Arena

“Dias de Campo Belo” é o nome da nova peça do coletivo O Pequeno Teatro de Torneado, que agora será encenada no Teatro de Arena Eugênios Kusnet. Por trás da

da Redação 0 Comments

Centenário de Luiz Gonzaga é celebrado no país

Dezembro é o mês de comemoração do centenário do pernambucano Luiz Gonzaga, o Rei do Baião e o Brasil preparou grandes homenagens ao artista. Com apenas 8 anos de idade,

da Redação 0 Comments

“Vestido de Noiva” estreia com a atriz Leandra Leal

Peça de Nelson Rodrigues ganha releitura em curta temporada em São Paulo.

0 Comments

No Comments Yet!

You can be first to comment this post!