Ação de Microprojetos Mais Cultura investe 13,5 milhões no semiárido brasileiro

Ação de Microprojetos Mais Cultura investe 13,5 milhões no semiárido brasileiro

O MinC (Ministério da Cultura), por meio do Programa Mais Cultura, investirá R$ 13,5 milhões no seminário brasileiro. A ação de Microprojetos Mais Cultura beneficia especialmente jovens entre 17 e 29 anos, oriundos de áreas de vulnerabilidade social, que desenvolvem projetos culturais nas mais diversas linguagens.
O projeto será executado em parceria com a  Funarte (Fundação Nacional de Artes), o BNB (Banco do Nordeste) e as secretarias de Cultura dos onze estados que integram a região do semiárido – Paraíba, Alagoas, Ceará, Piauí, Bahia, Rio Grande do Norte, Sergipe, Maranhão, Pernambuco, Minas Gerais e Espírito Santo. Serão selecionadas, através de editais estaduais, cerca de 1,2 mil iniciativas. Cada uma será premiada com até 30 salários mínimos.
O objetivo da ação é promover a diversidade cultural por meio do fomento e incentivo aos artistas, grupos artísticos independentes e pequenos produtores culturais. Os prêmios serão concedidos a pessoas físicas e jurídicas sem fins lucrativos que desenvolvam projetos nas áreas de artes visuais, artes cênicas, música, literatura, audiovisual e artes integradas. Os projetos deverão ser realizados e concluídos em um ano, a partir da data de assinatura do contrato de concessão de prêmio.
Os prazos de encerramento de inscrições podem ser verificados em cada um dos editais vigentes nos estados, publicados no Diário Oficial da União e dos 11 estados envolvidos, bem como nos sites do MinC (www.cultura.gov.br),  da Funarte (www.funarte.gov.br), do BNB (www.bnb.gov.br), do INEC (www.inec.org.br) e do Programa Mais Cultura (http://mais.cultura.gov.br).

Previous “Mistério Bufo” nos palcos de Brasília
Next Débora Duboc reestrEia comédia de Dario Fo e Franca Rame, com direção de Neyde Veneziano

About author

You might also like

da Redação 0 Comments

JOÃO E MARIA, nova temporada no Fashion Mall

  Os irmãos João e Maria fazem parte de uma família de camponeses que luta para fugir da miséria durante a Idade Média. A terra infértil não produz mais alimentos

da Redação 0 Comments

Fundo de Cultura do Estado da Bahia apresenta “Música no Circo”

O circo é democrático. Nele cabem todas as diferenças, encontram-se todas as idades, as classes sociais, as profissões, as orientações sexuais, etnias e tantas outras distinções. Segundo registros, ele existe

0 Comments

No Comments Yet!

You can be first to comment this post!